Manipulação sem fronteiras

manipula2A manipulação das estatísticas do programa Ciência sem Fronteiras, feita pelo governo federal (leia aqui), merece a mais veemente condenação.

Trata-se, efetivamente, de propaganda enganosa. O governo vem alardeando o que não faz!  E isso é ruim para o País. Temos, de fato, uma enorme necessidade de qualificar professores, estudantes e pesquisadores, mas isso não será resolvido com manipulações estatísticas. É um crime contra a inteligência nacional e deveria ser repudiado por todos os cidadãos brasileiros, especialmente pelos da área acadêmica.

Penso que, obviamente, o correto é atacar o problema e não maquiar os resultados. Mas, veja só, atacar o problema exige tempo, dedicação e planejamento, além de seriedade. Parece-me que a atitude do governo é menos focada em uma formação intelectual robusta de nossos jovens e mais voltada para aquele período de quatro anos entre uma eleição e outra. Ou seja, nada além de resultados eleitorais.  E, em educação, é obrigatório olhar além de horizontes limitados: é preciso traçar metas de longo prazo e ter paciência para aguardar pelos resultados, mesmo que eles venham quando já não se estiver mais no Poder. Ou seja, é necessário ter visão de estadista e não de governante que vai concorrer à reeleição.

Doloroso é constatar que, a esse episódio, juntam-se outros da mesma natureza. Tudo isso nos leva à preocupante constatação de que o governo brasileiro passou a adotar, de forma reiterada, o princípio de que uma mentira repetida mil vezes acaba sendo compreendida, pela população, como verdade. Essa estratégia funcionou muito bem na Alemanha de Hitler e Goebbels, com os resultados desastrosos que todos conhecem. Temos de impedir que ela funcione no Brasil.

Anúncios

Tags: ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: