Royalties para a educação

petrRecebi carta da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC), da Associação Nacional dos Dirigentes das Instituições Federais de Ensino Superior (Andifes), do Conselho Nacional de Secretários de Educação (Consed) e da (União Nacional dos Estudantes (UNE), entre outras entidades, pedindo que, na votação da destinação dos royalties do petróleo para a educação, seja mantido o texto aprovado pela Câmara e não o do Senado.

Informo, mais uma vez que votarei, sim, pela manutenção do texto da Câmara, que destinou para a educação 75% das receitas da União, Estados, Distrito Federal e Municípios, provenientes de royalties. No mesmo texto destina-se 25% para a saúde.

Acredito que é essencial a manutenção da proposição na forma que foi aprovada pelos deputados federais.  O investimento maciço em educação é a única forma de transformar positivamente o País.

Para conhecer a diferença entre os textos aprovados na Câmara e no Senado, clique aqui.

Anúncios

Tags: ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: