Universidades do Pará vão receber R$ 56 milhões

As universidades federais sediadas no Pará receberão este ano recursos adicionais de R$ 56 milhões de reais, por iniciativa da bancada federal do Pará.
Isso resulta da emenda coletiva que os 17 deputados federais e três senadores paraenses incluíram no Orçamento Geral da União de 2018. A emenda é impositiva (de cumprimento obrigatório pelo governo federal) e destina-se à aquisição de equipamentos para melhor aparelhar os campi universitários.

A bancada se reuniu ontem, em Brasília e definiu o rateio da emenda entre as universidades. A Universidade Federal do Pará (UFPA), a maior delas, receberá 17 milhões de reais, enquanto a Universidade Federal Rural da Amazônia (UFRA), a Universidade Federal do Oeste do Pará (UFOPA) e a Universidade Federal do Sul e Sudeste do Pará (UNIFESSPA) receberão, cada uma, R$ 13 milhões.

Os valores definidos pela bancada já foram informados ao Ministério da Educação, para que este providencie com urgência o reforço de caixa das universidades.

Todos os anos, as bancadas federais de cada estado têm direito de incluir no Orçamento duas emendas impositivas de sua livre escolha. Este ano, a bancada federal paraense resolveu apoiar as universidades federais e as prefeituras municipais, ambas com a aquisição de equipamentos.

“Desde que cheguei ao Congresso, em 1999, anualmente a bancada dedica uma de suas emendas coletivas às universidades. A deste ano tem um valor especial porque ela é impositiva. Ou seja, tem que ser paga pelo governo. Isso só se tornou possível depois que mudamos a legislação, para que pudesse ser garantido o atendimento dos itens realmente prioritários. E a Universidade é prioridade”, comemorou o deputado Nilson Pinto, ex-reitor da UFPA.

Também na reunião de ontem, a bancada definiu os temas e os beneficiários das emendas impositivas no próximo ano. Em 2019, uma das emendas destinará recursos ao governo do estado para a aquisição de materiais e equipamentos destinados a reforçar a segurança pública. A outra será novamente destinada às prefeituras municipais para aquisição de máquinas e equipamentos. Os valores dessas emendas serão definidos nas discussões relacionadas à aprovação do Orçamento federal, que ocorrerão no Congresso Nacional a partir de outubro.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: